7 de out de 2015

..



certeza q o filme distrito nove foi muito inspirado por the office. o personagem principal wikus é basicamente um michael scott sul-africano. a unica diferenca é q wikus é casado, mas isso para por aí. ate falando à camera eles sao parecidos, e o estilo mockumentary tambem é compartilhado. nunca li nada sobre essa semelhança e nem procurei, ate porque assisti a esse filme poucos dias atras, entao algum outro fã de the office ja deve ter percebido e escrito sobre isso. alias, é um filme bem legal sobre ets e, apesar do baixo orcamento, foi indicado ao oscar em quatro categorias.

11 de jun de 2015

.


9 de jun de 2015

..

getting a tattoo is always a great thing. first u get excited when u see something that makes u wanna have it on your skin. then u think a little more (in my case a very little bit) and decide to schedule it. im glad ive found a great tattoo artist, and he works really near my house. i still dont know if its a good thing, after all, cause i can get there easily (it is a good thing, i was trying to be funny). now u have to wait some days, usually. its the waiting time. u really want it to happen, u cant wait to get there and see it done. u blink and u r there. u hear (and listen to) the noise of the machine, and i dont find it pleasant sometimes. that needle (or those nine needles) tears holes on your biggest organ, it makes beautiful art using your body as canvas, and your blood as a sauce, and your pain as one of the prices to pay.

3 de jun de 2015

..



tem um jogador no time que eu torço q é odiado por muitos torcedores. eu nao faço parte desse grupo, embora ja tenha me chateado com algumas jogadas 'desafortunadas' desse zagueiro/lateral. ele faz parte do time ha quatro temporadas, e embora tenha tido altos e baixos, teve destaque em um de nossos ultimos grandes momentos (no penultimo p falar a verdade) e recentemente vem tendo uma sequencia positiva entrando no lugar do titular machucado.

paulo miranda, apelido estranho para jonatan doim (nome q nao servia p zagueiros, lhe falaram), era o lateral direito do time campeao da copa sulamericana em 2012. sua entrada no time foi fundamental para a arrancada nos dois campeonatos que a equipe disputava naquele segundo semestre. ele se adaptou rapidamente à nova funcao e foi uma grata surpresa. no ano seguinte, o time todo caiu muito (devido a venda de lucas em grande parte) e ele nunca mais jogou da mesma maneira, sempre entrando e saindo do time, sendo muito mais um reserva do que uma opcao. estava esquecido.

no atual campeonato nacional, o zagueiro vem tendo atuacoes regulares, tambem devido à maior estabilidade do sistema defensivo de agora (nada anormal, infelizmente), como nao se trata de um craque, e sim de um jogador mediano (nas ultimas temporadas), a gente nao pode se empolgar. lembra de 2012, jonatan doim. por favor (ps: sua tattoo no pescoco é animal)

29 de mai de 2015

..

working out is such a great thing, and when u r able to practice a sport u love, with your friends, it gets even better. we have a team now, or at least the prototype of one, and the first practice took place hours ago in the park we came to love. it wont be easy, we are going to face great teams and obstacles, but we r not so bad either, right? i guess the hardest thing currently is finding a car, or finding courage to live the adult life to deal with a car, or at least buy that vintage white shark thats been waving at me lately. why am i so weak at the knees to decide such thing? i wish i had at least some direction... i will just hope for the best, and i wish i broke even like jerry.

26 de mai de 2015

triste.



Assisti hoje ao video acima, um documentario sobre brasileiros que torcem por times estrangeiros, e nao acreditei no que vi e ouvi. Alem dos depoimentos desses torcedores, comentaristas de canais de tv a cabo brasileiros tambem expoem seus pontos de vista sobre o tema, o que me deixou ainda mais convencido de opinioes que eu ja tinha,

Primeiro, acho completamente impossivel alguem nutrir algum tipo de sentimento por um time com o qual nunca teve nenhum contato direto, 'pessoal'. Nao gosto de julgar as pessoas (e expor os julgamentos, principalmente) mas nesses casos isso se torna dificil de ser feito. Ver um camarada falando que 'escolheu' torcer por tal time, que trocou de time (abandonando seu time no brasil) apos ver um time jogar um futebol melhor pela tv... muito triste! Time de futebol é que nem mãe: voce tem uma! E na totalidade dos casos, ele te escolhe, e nao o contrario. Por mais que seja dificil aceitar alguem que torça por um time de fora, é mais complicado ainda entender aqueles que tem DOIS times de CORAÇÃO. Amiguinho, isso nao existe.

O unico depoimento aceitavel é o do rapaz de camisa preta que torce por um time alemao, pois seu pai é natural daquele país e 'apresentou' esse time e o futebol de lá ao filho. Geralmente é assim que os times escolhem seus torcedores: por 'iniciaçao' familiar. E mesmo assim o batismo de fogo é necessario: muitos tem essa iniciaçao e nao se identificam com o time, e na minha opiniao isso ocorre quando se tem contato direto com a agremiacao, seu estadio, sua torcida, seus jogadores...

Eu passei parte da minha infancia em uma cidade diferente daquela em que passei os oito primeiros anos da minha vida (e ja tinha meu time definido ha tres anos) e enquanto vivi por la, acompanhava o time local indo ao estadio, torcendo, tendo uma relacao com a coisa toda, e mesmo assim nunca cheguei a sequer ter a menor duvida de a que time torcer meeeesmo. Era uma relacao q supria em partes a minha necessidade de ir ao estadio e ver o gramado e as arquibancadas, de ver um time jogando, de vestir uma camisa com gosto, e só.

E os comentaristas! Ah, os comentaristas! Politica pra mim é uma coisa que ja fede por essencia. Dai profissionais como o Bertozzi, que sempre se encontram em cima do muro, nunca tomam um partido, defendem por politicagem e 'boa vizinhanca' esse 'amor' por times de fora...é demais. Palmas para Unzelte, que assume o time que torce sem medo e consegue ser imparcial em seu trabalho.



5 de mai de 2015

.

told u. on regular days, people r just as despicable as they come. on a regular day but gray too, the level of assholeness increases notably. my will to not move also increases, i give u that.